1º Encontro Latino-Americano de Engenharia e Sociedade

1º Encontro Latino-Americano de Engenharia e Sociedade

Territórios Sustentáveis

Faça sua inscrição
De 10 a 12 de abril Todos os dias das 09h às 18h
São Paulo, SP Mesas: Auditório Professor Francisco Romeu Landi, no Prédio de Administração da Poli-USP

Sobre o Evento

ATENÇÃO: Inscrições pelo site esgotadas. Para participar, compareça ao evento e se inscreva presencialmente!

O Encontro Latino-Americano de Engenharia e Sociedade é umevento co-organizado pela OSC Engenheiros Sem Fronteiras - Núcleo São Paulo e pelo Escritório Piloto da Escola Politécnica da USP, com apoio do Fundo Patrimonial Amigos da Poli, da Diretoria da EPUSP e do programa Poli Cidadã.

A ESF-SP é uma organização que tem como missão promover o desenvolvimento humano e sustentável através da engenharia, realizando desde 2015 projetos de cunho técnico, acadêmico e educacional. O Escritório Piloto é um departamento do Grêmio Politécnico criadoem 1953 com o intuito de realizar projetos de extensão universitária no âmbito da engenharia popular.

Em conjunto, queremos realizar um evento que traga uma maior reflexão sobre o papel da engenharia na sociedade e que possa apontar caminhos para uma atuação alternativa dos engenheiros/engenheiras.

Programação

09h00 Credenciamento Credenciamento
Local: Auditório Professor Francisco Romeu Landi

Esta atividade é especialmente importante aos participantes que fizeram inscrições com hospedagem, pois iremos distribuir os crachás necessários para entrada no alojamento.

10h00 Café da manhã Coffee break
Local: Auditório Professor Francisco Romeu Landi
10h30 Abertura Abertura
Local: Auditório Professor Francisco Romeu Landi
11h00 Territórios Sustentáveis Mesa-redonda
Local: Auditório Professor Francisco Romeu Landi

Mediação:

Nádia Pontes, correspondente da Deutsche Welle

Palestrantes:

María Hernandez, Ingeniería Sin Fronteras Argentina

Verônica Puga, Ingenieros Sin Fronteras Chile

Simone Maria Magalhães, MST

14h00 Apresentação de Trabalhos Científicos Apresentação Oral
Local: Engenharia Civil e Engenharia Mecânica

Sala S-03 do prédio de Engenharia Civil (Mediação: Arisvaldo Mello)

Fala Engenheir@! - Os Desafios de Ser Mulher na Engenharia

O Mosaico Educo-Florestal Agroecológico em Itatinga

Revisão crítica do Projeto Urbanístico para a cidade de Belo Horizonte

Integre-se por Luz: promovendo o desenvolvimento humano e sustentável por meio da engenharia

Avaliação do uso de manipueira como insumo para cultura de coentro-verdão (Coriandrum sativum)

Centrais hidrocinéticas como meio para a reestruturação democrática do setor energético

 

Sala S-05 do prédio de Engenharia Civil (Mediação: Cristina Clemens)

projeto casa escola: Sistema de Tratamento de Água de Chuva

Sustentabilidade nas escolas - aplicação prática em Macapá - AP

Captação de água pluvial para abastecimento de emergência para projeto de interesse social: Casa Helenira Preta de Referência da Mulher - Mauá - SP

Dimensionamento de um Sistema de Coleta de Água Pluvial para Irrigação de Horta Comunitária na Cidade de Florianópolis/SC.

HORTAS PEDAGÓGICAS EM ESCOLAS PÚBLICAS: UMA EXPERIÊNCIA DOS ENGENHEIROS SEM FRONTEIRAS NÚCLEO SÃO PAULO

 

Sala S-10 do prédio de Engenharia Civil (Mediação: Marcelo Favilla)

Educando com Arte

O papel dos Engenheiros sem Fronteiras na autogestão de comunidades vulneráveis

Sala de Música - Grupo de Apoio à Criança e Adolescente - Comunidade Cabana do Pai Tomaz

UM TETO PRA CHAMAR DE MEU! - Uma história ilustrada sobre a construção de moradias emergenciais com a Organização Social TETO São Paulo.

Reforma do Banheiro da Fundação Casa Lar Nossa Senhora do Carmo

Família morando com dignidade

 

Sala A-05 do prédio de Engenharia Mecânica (Mediação: Bárbara Triginelli)

Prospecção Ativa - Uma estratégia aplicada para expansão de projetos na ONG ESF - Juiz de Fora

Autoconstrução da Habitação Urbana em São Paulo

O Papel da Engenharia na Resolução de Problemas Sócioambientais em Países Latinos e Africanos.

Interação engenharia e comunidade para o desenvolvimento sustentável local e promoção da cidadania – Projeto Escola de Verão – Florianópolis/SC

O Planejamento Estratégico Situacional enquanto metodologia de Planejamento Ambiental - Caso da COPAVA

Melhoria do processo de coleta seletiva no município de São Carlos-SP através do Planejamento Estratégico da cooperativa Coopervida

Engenharias Engajadas e suas Ideologias

Pensar a formação da engenharia para o antropoceno

Sala A-07 do prédio de Engenharia Mecânica (Mediação: Cristiano Cruz)

Corriente alterna: periódico estudiantil para el desarrollo de habilidades comunicativas en la ingeniería

Tecnologia social na construção do saber: impactos do desenvolvimento de uma casa de farinha na transformação social e no ensino de engenharia em Macaé

Innovación y construcción de paz: Caso en el pacífico colombiano.

Hacia una concepción de Innovación Popular: Revisión y emergencia de la innovación comunal.

A atuação extensionista do Soltec/UFRJ junto aos movimentos sociais do campo

Pesquisa-Ação e Educação Popular: contribuições a partir de cursos de extensão em sistemas técnicos em assentamentos rurais

Las conecciones entre Tecnología Social y Economía Solidaria desde una mirada feminista

17h00 Formação na Engenharia Mesa-redonda
Local: Auditório Professor Francisco Romeu Landi

Mediação:

Hernán Espinoza, FAU-USP

Palestrantes:

Vitor Chaves, Poli-USP/MST

Antônio Mariani, Poli Cidadã-USP

Sandra Rufino, PEGADAS-UFRN

10h30 Café da manhã Coffee break
Local: Auditório Professor Francisco Romeu Landi
11h00 Autogestão e Moradia Digna Mesa-redonda
Local: Auditório Professor Francisco Romeu Landi

Mediação:

Marcella Arruda, Instituto A Cidade Precisa de Você

Palestrantes:

Ruben Otero, Escola da Cidade

Carmen Silva, FLM

Isac Pereira Marcelino, USINA CTAH

14h00 Introdução à Economia Solidária Minicurso
Local: Sala A-02 do prédio de Engenharia Mecânica

Facilitação: Sandra Rufino

A intenção deste curso é disponibilizar acesso introdutório aos fundamentos da economia solidária, em contraposição ao modus operandi atual, pautado pela competição em praticamente todas as esferas da atuação humana. Busca-se suscitar nos participantes interesse não apenas pela reflexão teórica sobre a economia solidária, como também pela prática de seus pilares: autogestão, cooperação, partilha justa, respeito à sociedade e ao meio ambiente, entre outros.

14h00 Fundamentos da Engenharia Popular Minicurso
Local: Sala A-05 do prédio de Engenharia Mecânica

Facilitação: Cristiano Cruz

A intenção deste curso é disponibilizar acesso introdutório a algumas discussões desenvolvidas a partir da filosofia e das ciências sociais, sobre projetos técnicos sensíveis aos valores de grupos no geral socialmente desempoderados, com particular atenção à engenharia popular. Busca-se suscitar nos participantes interesse não apenas pela reflexão filosófica sobre a tecnologia e, em particular, sobre a engenharia, como também pela prática da engenharia popular.

14h00 MST: a Reforma Agrária Popular Minicurso
Local: Sala S-05 do prédio de Engenharia Civil

Facilitação: Simone Maria Magalhães e Lucca Pérez

Este minicurso pretende apresentar aos participantes a Reforma Agrária Popular, programa de luta do MST que tem em sua base a luta de classes contra o modelo do capital para a agricultura brasileira. Pretende-se discutir a relação entre a luta pela terra e a luta por um novo modelo de agricultura, apresentando os princípios da agroecologia, prática que tem sido defendida e aplicada pelo movimento.

14h00 Segurança de Barragens: desafios e perspectivas Minicurso
Local: Sala S-03 do prédio de Engenharia Civil

Facilitação: Elisa Macedo

Este minicurso busca apresentar aos participantes o panorama histórico e atual da legislação de segurança de barragens no Brasil. Para as barragens de geração de energia hidrelétrica, pretende-se apresentar a aplicação de ferramentas de modelagem hidráulica e hidrológica para simulação de cenários utilizados na elaboração dos Planos de Ação Emergencial.

14h00 Mobilidade Urbana e Gênero Minicurso
Local: Sala A-10 do prédio de Engenharia Mecânica

Facilitação: Haydée Svab

Este minicurso busca apresentar aos participantes conceitos sobre gênero e mobilidade urbana, apresentando como o acesso à cidade se dá de forma desigual entre homens e mulheres. São postos para reflexão conceitos sociais e econômicos, questões de gênero e qual sustentabilidade desejamos construir para nossas cidades. Por fim, abre-se para debate a identificação de quem produz o espaço urbano, e para quem é produzido, bem como os conflitos emergentes.

14h00 Tecnologias Domésticas e a (sobre)carga de trabalho feminino Minicurso
Local: Sala S-14 do prédio de Engenharia Civil

Facilitação: Alice Oliveira

Como as mudanças tecnológicas na esfera doméstica estão relacionados às mudanças no papel das mulheres nos lares?  A industrialização afetou o trabalho reprodutivo na mesma intensidade que afetou o trabalho produtivo? A partir desses questionamentos, pretende-se compreender como a esposa se tornou o tipo de figura que ela é hoje: a única provedora de serviços domésticos para todos os membros da família. Toda a família mora em casa e, ainda assim, a trajetória dos últimos dois séculos vem concentrando as responsabilidades domésticas cada vez mais em uma pessoa: a esposa/mãe. À luz da produção acadêmica de Ruth Cowan, Sally Hacker, Cynthia  Cockburn, Judy Wajcman e demais teóricas dos Estudos Feministas da Ciência e Tecnologia, o propósito do minicurso é, em suma, desconstruir a falácia de que as tecnologias domésticas diminuíram a carga de trabalho reprodutivo das mulheres.

14h00 Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social Minicurso
Local: Sala S-10 do prédio de Engenharia Civil

Facilitação: Caio Santo Amore e Rayssa Cortez

A intenção deste curso é disponibilizar acesso aos fundamentos da assistência técnica em habitação de interesse social, demonstrando a possibilidade de atuação dos arquitetos, urbanistas e engenheiros, para, junto com outros profissionais, enfrentar as necessidades habitacionais tão urgentes para a maioria da população. O minicurso é facilitado por professores da FAU-USP e UFABC, além de arquitetos e urbanistas da Peabiru TCA, que têm experiência acadêmica e profissional em planos, projetos e obras de conjuntos habitacionais e urbanização de assentamentos precários com participação popular.

17h00 Economia Solidária e Trabalho Associado Mesa-redonda
Local: Auditório Professor Francisco Romeu Landi

Mediação:

Lucca Pérez, GPERT

Palestrantes:

Roger Koeppl, Cooperativa YouGreen

Lais Fraga, ITCP-UNICAMP

Eliene Gomes dos Anjos, UFRB

19h00 Comes, bebes e livros (lançamentos!) Lançamento de Livro
Local: Ponto de Economia Solidária do Butantã (av. Corifeu de Azevedo Marques, 250, Butantã)

Confraternização do Encontro com lançamento dos livros do GPERT e SOLTEC:

 

Dialética da Autogestão em Empresas Recuperadas por Trabalhadores

Fernanda Santos Araújo, Vicente Nepomuceno, Flávio Chedid Henriques, Vanessa Moreira Sígolo, Lucca Pérez Pompeu, Tarcila Matovan Atolini 

Incubadoras Tecnológicas de Economia Solidária - volumes 1 e 2

Felipe Addor e Camila Rolim Laricchia

 

Teremos comes e bebes (inclusive cerveja artesanal) feitos pelo Bar Saci, sendo uma ótima oportunidade para conversar entre companheiros e também com autores e autoras dos livros.

10h00 Visita à Ocupação Nove de Julho Visita técnica
Local: Ocupação Nove de Julho

Local

Mesas: Auditório Professor Francisco Romeu Landi, no Prédio de Administração da Poli-USP - 05508-900, Av. Prof. Luciano Gualberto, travessa 3, 380, Butantã , São Paulo, São Paulo,

Apoio

Patrocínio

Organizador

Engenheiros Sem Fronteiras SP e Escritório Piloto da USP